Oki

Müller Martini e Kolbus estabelecem um novo rumo para o futuro

30/01/2018 - 14:01

A Müller Martini assume os negócios de encadernação em capa flexível, bem como encadernação em capa dura da Kolbus. Deste acordo fazem parte o serviço ao cliente e as peças de reposição dos sistemas de encadernação de livros Kolbus presentes em todo o mundo. A Kolbus coloca foco em seu negócio em máquinas de embalagem e confecção/armação de capas duras (casemakers), na fabricação de peças e no negócio de fundição.

“Nos últimos anos as mudanças estruturais repercutiram fortemente no setor gráfico, originando profundas adaptações. O nosso mercado está claramente menor e simultaneamente mais diversificado”, informa Bruno Müller, CEO da Müller Martini.

“Os clientes exigem inovações constantes, que têm de ser custeadas com vendas em menor quantidade. Sobretudo nossos clientes se beneficiam deste aumento de eficiência resultante da agregação das atividades de encadernação”, completa Bruno.

As mudanças de mercado têm um efeito direto nos clientes, que se confrontam com novos modelos de negócio, como a digitalização. O objetivo da Müller Martini consiste em oferecer ao mercado soluções mais inovadoras, mais adequadas, a longo prazo, usando os potenciais de sucesso de ambas as empresas (pessoal, know-how, tecnologia e infraestrutura). “Isso garante o futuro do negócio de encadernação de livros em capas flexíveis e capas duras dos nossos clientes e, em consequência, empregos na indústria gráfica”, reforça Bruno.

O negócio de encadernação da Kolbus é transferido de imediato para a nova empresa Müller Martini Buchbinde-Systeme GmbH, integrada ao Grupo Müller Martini como uma fábrica independente com sede em Rahden, com seus respectivos trabalhadores. A Kolbus continua sob direção do CEO Kai Büntemeyer, concentrando-se, com 900 trabalhadores espalhados pelo mundo, na produção de máquinas de embalagem e confecção/armação de capas duras (casemakers), produção de peças e no negócio de fundição.

Büntemeyer acredita que, com estas mudanças, a Kolbus tem fortes oportunidades de sucesso no futuro: “Nos últimos anos o mercado de embalagens tem crescido de forma contínua. Nós vemos um grande potencial que nos permitirá desenvolver fortemente nossos serviços neste setor de negócio. As perspectivas são boas até mesmo para o segmento da produção de peças e componentes para empresas exigentes quanto a fabricação de equipamentos, entre as quais os sistemas de encadernação de livros Müller Martini e a tecnologia de cartonagem fina da Kolbus”.

O know-how da variedade de máquinas da Kolbus é transferido, protegido e desenvolvido pela Müller Martini. Cerca de 250 trabalhadores da Kolbus do setor da encadernação de livros são transferidos para a Müller Martini em Rahden, estando devidamente garantidas as atuais condições de trabalho. Os trabalhadores da divisão de máquinas de embalagens e de confecção/armação de capas duras (casemakers) permanecem na Kolbus. 

  Mais notícias

Gráfica Inteligente Agnelo Editora Anuncie aqui